segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Como no filme

Desejo o trem e o passeio
os trilhos todos e o anseio
e tudo de novo que possa ver.

Os campos verdes alvorecendo
a estrada que ninguém passa, sendo
e nada mais que deva merecer.


Ígor Andrade

____________________________________________________________________

5 comentários:

Tata disse...

Oi Ígor,

É tão bom querer o novo, passar por onde nunca se passou, trilhar novos caminhos, sentir o desconhecido, a descoberta de cada novo passo, a expectativa de cada acontecimento inesperado........

Vc merece coisas boas.....e muito mais!

bjus

Dauri Batisti disse...

Estou por aqui, lendo seus poemas, prestando atenção no que você diz.
Esse desejo de novos caminhos sempre será um bom desejo.

Um abraço

Patrícia Lage disse...

Ah... Eu também desejo. Uma passagem só de ida, seja de trem, ônibus, carruagem ou avião.

Meu beijo.

Pequena Poetiza disse...

o novo e simples
lindo

bjos

CotidiAmo disse...

oi Igor,
quanto tempo não venho aqui.
teus versos seguem belos.
agora vou acompanhar tá!
beijos