terça-feira, 18 de maio de 2010

Poetristis 2

Eu não quero mudar o mundo
quero sim
que ele me mude.



Ígor Andrade

_____________________________________________________________________

3 comentários:

Athila Goyaz disse...

Ficou interessante.
abraços!

Danilo de Abreu Lima disse...

igor,
mudar o mundo, domar o mundo, sonhos de tantos, mas querer que o mundo nos mude, é um sonho mais direto, mais pé no chão.

"sombras de antigas feridas
calaram a nossa voz
não somos o que sonhamos. somos
aquilo que a vida fez de nós"
muito legal seu poema,
abraços Danilo.

Renata Bezerra disse...

É... Uma vez eu tinha a ilusão de que podia realmente mudar o mundo... Hoje, luto para que ele não me mude. Eu não quero mudar. E por isso sofro, amigo.

Impossível não gostar do que tu escreves...