quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Desequilíbrio

Escrevo poemas bobos
pela madrugada.
Numa mão não tenho tudo
e na outra tenho nada.



Ígor Andrade

__________________________________________________________________

4 comentários:

Luiz Guilherme Libório Alves disse...

Eu fiquei sério, depois ri, lendo este.

Gostei.

Cristiane disse...

Mas na mente tem o principal: inteligência e obstinação! :))

Splanchnizomai abraçando o amanhã. disse...

Que bom! Só assim Deus tem lugar para entrar e fazer o inimaginável! Avante! Bom começo, viu? hehe!

Ígor Andrade disse...

Abrace o amanhã e me deixe em paz, minha senhora. Aqui não é lugar de pregação; aqui é o lar do livre-pensar.
Acredite e siga, mas respeite meu espaço.
Bom fim pra você!