domingo, 13 de junho de 2010

Poema 26

Não consigo dormir direito
e lembro de cada sonho torto...
Devo esquecer tudo
todo e qualquer talvez.



Ígor Andrade

_____________________________________________________________________

3 comentários:

Marcelo Mayer disse...

o tudo não te graça

Ígor Andrade disse...

Pois é... o tudo que eu pensei não tem mesmo não.

Meu olhar caleidoscópio disse...

Vira de lado e dorme outra vez!Rs