domingo, 3 de maio de 2009

Dor mente

Não sinto
o gosto
de nada.

Garganta seca
língua inflamada.

Sinto
um cinto
me apertar.

Asfixiado
só penso em deitar.

Paladar para amar
não tenho
ou é dormência apurada.

Para cada dez mulheres
deste infeliz mundo
uma é desalmada.



Ígor Andrade

___________________________________________________________________

8 comentários:

glória disse...

eita homem, é tempo de aridez, de outro modo a vontade do encontro de alguém com alma viva e quente paira no ar. vale a pena pedalar em direção incerta. bjs.

Compulsão Diária disse...

Tudo é relativo, Ígor. Agora, esse seu cálculo está exagerado! Vai passar a inflamação e a garganta vai engolir mel.

Raissa Santiago disse...

Menino q cinto é esse q aperta todo mundo hein?
Q dor é essa q não sabemos se é na garganta,ou na cabeça.
Aquela vontade de dormir e não se levantar da cama.
"Quero não levantar-me da cama não devida as dores do mundo,mas sim aos abraços dos meus travesseros q não me permitem sentirem certas dores"
Raissa Sant.
Ah meu lindo em relação a Kelmer o mesmo foi embora de Fortaleza axo q hj,sabado ele fez uma despedida alí no Acervo Imaginário.autografos e ele tbm da uma de Dj.Foi bem bacana dei uma passada lá,comprei um livro,bebi uns Martini's e fui embora.
Queria q vc dese uma olhadinha lá no Blog dele é Bem interessante.
e os livros dele são otimos.
Bjim
Me add no MSN:raissaslater@hotmail.com

Bjs e abraços \°/

Fran Sanchez disse...

Obrigada apelo doce comentário, e também por tornar-se um seguidor...rs =)

O texto... Quanto às "desalmadas"... somos todas! E não somos nenhuma!
Em cada mundo (feliz ou infeliz), há uma porção (grande ou pequena) condizente com os olhos de quem "enxerga"! Como disse "Compulsão Diária", a inflamação vai passar... depois voltar, e passar, e...
o mundo gira, meu caro! rs

Saudações!
Francine.

Fabio Rocha disse...

Só me resta desejar melhora de novo, amigo. Em todos os sentidos. :) Abraços

BAR DO BARDO disse...

Menos mente, menos dor...

Lição de um velho...

Raissa Santiago disse...

Lindo.Da uma passadinha lá no meu viu.Em relação a saudade.Poxa parece sempre uma faca invisivel em algum lugar do nosso corpo q doi,doi,doiíiiiii.
Obrigado por estar sempre presente no meu espacinho !

Bjs
Ra*

Raissa Santiago disse...

Ei psiu cade você,seus escritos,perdidos aonde!
Aparece e deixa os dias mais escritos!


Ra* \°/