segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Praia quente (um poema atrasado)

Fevereiro
me ferve inteiro
meu amar em março
antes de tudo
o mar
mormaço
sorrir primeiro.

(Sou oceano adocicado
maré alta
em desespero.)

Pelo menos
passou o de menos
passou e vivemos
passou janeiro.


Ígor Andrade

__________________________________________________________________

13 comentários:

Clarinha disse...

Passou janeiro...enfim.

Cosmunicando disse...

você condensou a febre do verão todo, lindo isso!
abraço

Pan y vino disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
S.L. disse...

Passou. E virão outros janeiros... assim como marços também. Iguais, porém, diferentes.
Meu beijo.

Fabio Rocha disse...

Nossa, muito bom esse poema... Daqueles que dá vontade que fosse seu. :) Parabéns!

Abração

Clarinha disse...

Em processo de melhora, Ígor. Beijão!

Compulsão Diária disse...

Arrebatador esse fervor de verão; Passou?

Deise Anne disse...

março vem sossegar a euforia da gente, né?
janeiro e fevereiro são meses meio malucos...

adorei o poema! muito bom, como sempre.
parabéns!

Patrícia Lage disse...

Janeiro me faz celebrar cada aniversário...

Teus versos me fizeram lembrar Quintana - que diz que as coisas passarão, e ele passarinho.

Meu beijo, poeta.

Déa Paulino disse...

Que delícia o jogo de palavras! Senti vontade de ler em voz alta...
Abracinho!

Pequena Poetiza disse...

adorei o jogo de palavras

e o verso do eceano adocicado
achei lindo isso

bjos

Tata disse...

Fevereiro!!!!
E tem mês melhor que este???KKK
bjinhos

MENSAGENS AO VENTO disse...

_______________________________


Gostei muito do seu poema!

Delicioso trocadilho de palavras, que dá graça e leveza aos seus versos...

Quanto tempo que não o "via"!

Beijos de luz e um dia muito feliz!!!

_________________________________