quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Para cada vida

Para cada dia sem o tudo.
Mudo.

Para cada hora sem espaço.
Faço.

Para cada minuto nesse vazio.
Frio.

Para cada segundo nesse traço.
Abraço.



Ígor Andrade

____________________________________________________________________

19 comentários:

Camilla disse...

E durante todos esses dias, horas, minutos e segundos eu procuro alguma maneira de me reinventar e enfim, me libertar!

Abração!

Opa, primeira a comentar!

=)

Pequena Poetiza disse...

adorei singelo

é assim
recriar o que se pode e tem a ser feito

bjos

adrianna coelho disse...


ah, ígor...

adorei esse!

beijos

Clarinha disse...

Igor, está difícil comentar sues poemas...Vc tem superado a si mesmo no lirismo e na exatidão!

Parabéns, querido! E obrigada, por me dar voz!

Fernanda Cozendey disse...

tão sutil; ótimo

beijos

Cláudia I, Vetter disse...

tem o peso imortal de uma vida
cada um dele(s)
(a)braço.

;)

Pan y vino disse...

Agora q visualizei melhor o texto, observo q, embora tenhamos a propalada licença poética, o ponto no final do primeiro verso de cada dístico quebra a sintaxe do teu belo texto, pq ñ experimentas dois-pontos? No mais continuas mostrando o dom de quem, pela musicalidade, transforma um texto em poema. Por falar em poema eu te mandei um email falando sobre o site "recanto das letras", recebeste? eu ñ obtive resposta, ñ sei se digitei alguma coisa errada. Felicidades.

☆ Sandra C. disse...

dá uma receita para isso:
http://dixt.blogspot.com/2009/01/receita-para-perder-o-juizo.html

=)

Mônica. disse...

Frio combina -quase faz rima- com abraço.
=)

Ígor Andrade disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
S.L. disse...

Cada vida, uma gota de sabedoria.
Meu beijo.

compulsão diária disse...

Fugiu coisa nin-~uma. veto ao afeto cru.Puro intelcto. Gostei demais.Pai d'égua

Philip Rangel disse...

Meu amigo concordo com o texto..
as vezes nos limitamos achando q nao temos o famoso tempo...mas enganamos q temos tempor de sobra..


abraços

Deise Anne disse...

para cada dia: poesia!

parabéns! sempre inspirador. =)

Cláudia I, Vetter disse...

(passes no meu blog e veja-te, rapidamente!)

;)

Bruno disse...

Sempre que passo aqui me impressiono mais!

Henrique disse...

pareceu-me abraçar-me com um traço de em poesia...

____________________________ço

Camilla Andrade disse...

Tudo se preenche...mesmo q não dentro...mesmo q apenas no reflexo...quando vc esta perto.


Poeta, meu !!!

Camilla Andrade disse...

Q todo instante, permaneça DURANTE, no nosso sempre.