terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Tudo cinza e muito claro


A tarde passa
por mim.

Tudo cinza
e muito claro
ao mesmo tempo.

Não tenho tempo
a perder.
Deixo o que me deixa
e procuro esquecer
o pouco que tenho.

Tenho pouco
e muito amor.
Muita coisa a dizer
sobre o infinito que sinto.

Não minto.
Aperto o cinto
porque emagreci.
Mas assumo que longe dela eu engordo.

Só sei ser assim:
intenso, amante, perturbado e apaixonado.
A vida tem me mostrado
por quem vale a pena viver.

E vou viver
com ou sem minhas fraquezas...

Ponto.
Estou pronto.

Todo homem forte
descarta a sorte
e encontra um norte
quando ama.


Ígor Andrade

____________________________________________________________________________

Um comentário:

Marcelino disse...

Coisa linda, cara. Gostei muito do " por quem vale a pena viver", vc coloca a pessoa, o ser (o "quem") num nível mais elevado que a coisa (o "que"), a que quase todas as pessoas se referem, quando dizem "por que vale a pena viver".