quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Digno

Eu reconheço
quando lembro de você
me esqueço.



Ígor Andrade

_____________________________________________________________________

7 comentários:

Cris de Souza disse...

Não te esqueci.
Beijos !

Camilla Andrade disse...

Neurônios saltitantes aqui...q magia isso!!!

Não tem p/ ninguém, viu POETA.

Daniel Senos disse...

E quanto mais se lembra, mais coisas temos que esquecer (e será que esquecemos mesmo?)...
Abraço, poeta!

Daniel Senos (http://montanhavazia.zip.net)

Verônica H. disse...

que bonitas suas palavras!

Lua disse...

Me lembrou de uma musica que eu ach oque era domino que cantava "Ando perdido" é muito bonita a letra vale a pena conferir.

Beijos moço!

Jacque disse...

Nossa que lindo, teu blog! Respiro poesia aqui! Seus poemas são ótimos! Agradeço sua participação no Poética, convido a ler as minhas poesias. Estou te seguindo, e pelo que vejo aqui, meus olhos vão se deleitar com tamanho talento!

Um beijo! :)

Joe_Brazuca disse...

muito legal, este "poetrix", como o blog todo...

abs